terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Ateísmo é crime, doença e afins?

O ateísmo é doença? Deve ser. Basta alguém dizer que é ateu para que muitos se afastem, como se o que descrê na existência de divindades fosse uma espécie de leproso ideológico.

O ateísmo é crime? Deve ser. Basta alguém dizer que é ateu para que muitos se afastem, como se aquele que afirma não acreditar na existência de deus (ou deuses) fosse algum tipo de sarnento criminoso.

O ateísmo conspira contra qualquer tipo de bom costume? Deve conspirar. Afinal muitos se afastam dos que são sinceros em dizer no que acreditam, quando o objeto de tal convicção não está escudado em qualquer tipo de crença em seres divinais.

Sou obrigado a acreditar nisso tudo? Levando em consideração a disposição da maioria dos teístas devo sim... Levando em consideração a ética, a moralidade, o respeito e afins, não devo...

Enéias Teles Borges

Um comentário:

DeusILUSÃO disse...

Oi. Adicionei seu link lá no DeusILUSÃO. E te adicionei também no Twitter. Estou com um perfil novo lá: @blog_DeusILUSÃO. Perdi todos os meus antigos seguidores com o perfil @DeusILUSÃO, que deletei por causa de um problema amoroso... Por isso tem pouquinhos seguidores agora, mas, antes, eu tinha quase 50!! rsrsrsrsr

Quanto ao ateísmo, considero também uma ilusão, um reflexo que só o crente enxerga, oposto à sua própria imagem. Eu escrevi uma série curtinha sobre o assunto. O texo em que menciono isso é esse:

http://deusilusao.wordpress.com/2010/12/13/fe-autoengano-parte-2/

Textos Relacionados

Related Posts with Thumbnails