terça-feira, 8 de junho de 2010

Eu quero apenas...


Eu quero apenas a tranquilidade para minha família;
Eu quero apenas o suficiente para viver sem me envergonhar;
Eu quero apenas poder querer sem que me achem egoísta;
Eu quero apenas ser ouvido sem ter que bradar de forma estranha;
Eu quero apenas oferecer amizade sincera e não receber mais que isso;
Eu quero apenas ser aceito, mesmo que acredite de forma diferente;
Eu quero apenas ler qualquer leitura que me faça bem;
Eu quero apenas estudar o tudo que se deva buscar;
Eu quero apenas seguir confiando, ainda que sempre desconfiando;
Eu quero apenas aceitar, mesmo que queira sempre questionar;

Por fim:

Eu quero apenas acreditar no que acreditava, sem ser ingênuo.

Sei, porém, que querer quase nunca é poder, pois quase sempre nunca posso, apesar de apenas querer...

(...)

Em tempo: Hoje comecei a me servir de um medicamento - tarja preta. Dizem que ando meio depressivo. Será? Eu apenas quero ser o que sempre fui e sou, mesmo sabendo que nem sempre querer é poder...

Enéias Teles Borges
-

4 comentários:

Cleiton Heredia disse...

Depressão?

Já experimentou injetar endorfina direto nas suas veias?

Como?

É simples! Basta dar uma boa caminhada aeróbica até a farmácia mais distante de sua casa e chegando lá, não entre! Apenas de meia volta e retorne no mesmo ritmo pelo mesmo caminho.

vidalvidal disse...

Sou ateu mas sou sincero. Se você está se sentindo mal, vá na igreja. Lá você se sentira melhor, porque o padre ou o bispo irá lhe falar de um ser maior que te ama. Mesmo que ele não exista, vale a pena você ir, pois a "cura" de depressão é instantânea.

Mas será uma pena isso para mim, porque eu admiro muito seus pontos de vista. Sempre leio suas postagens. Você me faz lembrar um pouco David Attenborough, não sei o porquê. Mas você não deve se preocupar comigo, deve se preocupar contigo. É sua saude que está em jogo. Enfim, lhe desejo sorte, e aconteça o que acontecer: continue sendo essa mente brilhante que és.

CONVICTOS OU ALIENADOS? disse...

Salve, Vidal! (VidalVidal)

Na realidade tal "suposta" depressão não é pela "ausência da frequência" à igreja. Pretendo ir lá, pelo ambiente, música, amigos e afins. Não pelo que chamam de mensagem. Acreditar, da forma como eu cria, é ingênidade demais (tal inocência se foi...). Seria tentar me enganar.

Grato pela visita. Não tem blogue? Cheguei ao seu twitter, apenas...

Vidal Vidal disse...

Tenho blog sim, é o cogitavel.wordpress.com. Mas eu ainda não postei nada por lá, pretendo postar depois, quando houver tempo. Tenho muita coisa para escrever, não sei por onde começar.

Textos Relacionados

Related Posts with Thumbnails