sábado, 1 de maio de 2010

Os dinossauros e a evolução

Quem ainda duvida de que as aves modernas não passam de dinossauros de duas patas aguente-se com esta: dois novos fósseis descobertos na China sugerem que, assim como os pintinhos, esses répteis extintos também trocavam as penas na passagem para a idade adulta.

Mas os dinos iam além: enquanto as aves fazem a muda apenas uma vez (da penugem para as penas que usarão para voar), eles tinham um estágio intermediário de troca. Penas de "adolescente", por assim dizer.

A descoberta foi relatada no periódico "Nature" pela equipe do caçador de fósseis Xing Xu, da Academia Chinesa de Ciências. Segundo os pesquisadores, ela mostra que a evolução andou brincando um bocado com o design das penas antes de produzir o padrão atual.


Nota: O que diriam aqueles que detonam o evolucionismo e defendem teses ortodoxas? Dirão que não passa de imaginação dos evolucionistas desesperados? Como encaixar o dilúvio universal, conforme interpretação bíblica, diante dos passos largos dados pela ciência?

Enéias Teles Borges

Um comentário:

A arte de ter razão disse...

Enéias,

Os criacionistas estão sempre tentando dar rasteiras nos “passos largos da ciência”. (rs)

Textos Relacionados

Related Posts with Thumbnails