quinta-feira, 14 de julho de 2011

Os cristãos e a arrogância

O cristianismo merece respeito. O mesmo não vale para todos os cristãos. Existe um grupo arrogante que se arvora à condição de representante de deus na terra. Em geral considera as demais pessoas como inferiores mentais. Subestima a capacidade de ateus e agnósticos como se esses fossem idiotas. Subestima até mesmo outros cristãos. Basta que alguém comece a ler e estudar qualquer coisa ligada ao ateísmo para que vocifere: "Esse estudo afastará você da verdade..." Será que alguém é tão medíocre ao ponto de se deixar levar por algum tipo de estudo? Que cristão seria esse que mudaria de rumo ao assoprar do vento? Isso é Lamentável!

Tenho recebido conselho de alguns cristãos. Sugerem que eu deva parar com a leitura de alguns livros. Acreditam que eu me tornarei ateu por esse motivo. Subestimam a minha capacidade de discernimento. Logo eles que são teóricos de uma única fonte.

Tais cristãos comem arroz e querem arrotar caviar. Olham-se no espelho e enxergam verdadeiros leões da fé e do discernimento. Tolos! Tapados! Nada mais são do que bitolados que só enxergam um rumo: o que é forçado pela bitola.

Por essa e outras é que insisto em afirmar: o que afasta o cristão do cristianismo não é o argumento divergente e sim a estupidez de cristãos medíocres que se julgam paradigmas da fé. O que eles de fato são? Membros da FCFA (Fé Cega e Faca Amolada).

Um absurdo!

Enéias Teles Borges
Postagem original: 04/05/2010

4 comentários:

A arte de ter razão disse...

O problema desse povo não é a arrogância, mas a ignorância, alimentada pela preguiça intelectual. O cristão fundamentalista é um sujeito encalhado na lama da estupidez.

Carlos H. disse...

Como disse Mahatma Gandhi:

"Eu seria cristão, sem dúvida, se os cristãos o fossem vinte e quatro horas por dia".

A imperfeição humana explica, mas não justifica essas atitudes.

Digi-Alchemist disse...

Disseste tudo, meu caro!

Os que assim agem (FCFA) desonram o verdadeiro espírito do Cristianismo, tais quais os terroristas islâmicos desonram o Islã.

Cleiton Heredia disse...

Enéias,

A leitura, a pesquisa, o estudo acompanhados pela vontade de conhecer a verdade, seja ela qual for, bem como pela sinceridade de propósitos, me desviaram primeiramente do adventismo, depois do cristianismo, e por último do teísmo (atualmente considero muito mais coerente o ateísmo, se bem que ainda não descartei por completo o deísmo).

Portanto, os cristãos que lhe disseram aquilo estão de certa forma corretos. Foi por este motivo que eu escrevi aquela série de postagens com o título: "O Ministérios dos Crentes Adverte: Questionar pode ser prejudicial a sua fé".

Será que eles (os cristãos) nunca pararam para pensar que quando um sincero pesquisador da verdade se afasta do cristianismo, o problema pode não estar com ele, mas sim com o objeto de estudo?

Textos Relacionados

Related Posts with Thumbnails